Suficiente.

Ninguém tem uma puta ideia do que está fazendo. Alguns – poucos, raros, excepcionais – têm uma ideia clara do que querem, e ainda assim essa visão é limitada, porque trabalham com as informações e dados e experiências que têm até agora; basta um pequeno evento não-planejado (eles sempre acontecem) e aquele caminho não faz mais sentido na sua totalidade. Continue lendo “Suficiente.”

Friday Share #30

É mais difícil matar um fantasma que a realidade.

Virginia Woolf
Escritora, ensaísta e editora britânica. (1882 – 1941)

Nota importante: normalmente eu seleciono textos em outras línguas (quase sempre inglês), e devido à falta de tempo, recorro ao Google Translate. Peço desculpas se alguns ficam esquisitos, mas se você fala a língua do texto original, recomendo entrar no link indicado. Obrigado!

Continue lendo “Friday Share #30”

Friday Share #29

Tenha a coragem de seguir seu coração e sua intuição. De algum modo, eles sabem o que você realmente deseja se tornar.

Steve Jobs
Empresário co-fundador da Apple (1955 – 2011)

Nota importante: normalmente eu seleciono textos em outras línguas (quase sempre inglês), e devido à falta de tempo, recorro ao Google Translate. Peço desculpas se alguns ficam esquisitos, mas se você fala a língua do texto original, recomendo entrar no link indicado. Obrigado!

Continue lendo “Friday Share #29”

Friday Share #27

Seu coração é livre; tenha a coragem de segui-lo.

Malcolm Wallace, pai de William Wallace
William foi um escocês que liderou seus compatriotas na resistência à dominação inglesa. (1270 – 1305)

Nota importante: normalmente eu seleciono textos em outras línguas (quase sempre inglês), e devido à falta de tempo, recorro ao Google Translate. Peço desculpas se alguns ficam esquisitos, mas se você fala a língua do texto original, recomendo entrar no link indicado. Obrigado!

Continue lendo “Friday Share #27”

Limites

[Nota: esse post é uma re-edição; por falha minha, ele saiu da timeline.]

Quem é você? Se você respondeu essa pergunta sem pensar muito, aqui vai um desafio interessante: tente se apresentar sem usar sua memória. Vamos ver como seria isso. Meu nome é – não, seu nome é memória –e tenho – números e tempo também são memória. Sou formado em – também não pode. Moro em (memória), trabalho como (não), e faço (não, não, e também não). Gosto de (não pode) e, nos fins de semana, (também não). Meus livros e filmes favoritos são (nenhum deles pode), e meus planos pros próximos anos são (planos pro futuro também são memória e, portanto, não pode).

E aí? Conseguiu?

. Continue lendo “Limites”

Os momentos em que somos inteiros

[Nota: esse post é uma re-edição; por falha minha, ele saiu da timeline.]

Era de noite – não muito tarde, mas o suficiente pras ruas do centro estarem quase desertas – fazendo com que caminhar por baixo dos toldos para escapar da chuva gelada de Curitiba fosse relativamente fácil. Estava distraído, ouvindo um audiolivro, quando trombei forte, de frente com alguém. No instante que tive para entender o que tinha acontecido, ele já estava gritando e ameaçando um soco.

Continue lendo “Os momentos em que somos inteiros”

Mais três dias

Tive retornos interessantes sobre minhas interpretações do koan Lama na Estrada (se você não viu, pode ver aqui e aqui), e me perguntaram sobre as leituras de outros. Vou tentar fazer isso toda semana, normalmente sobre o koan do Friday Share. O da semana passada foi “Mais três dias” (se você não viu, veja aqui). E gostaria muito de ver as interpretações de vocês nos comentários!

Continue lendo “Mais três dias”

Medo de Ficar de Fora

Insira seu email e receba 10% na primeira compra.

Cadastre-se e concorra a um carro zero.

Atualize seu telefone e deixe a conta mais segura.

Entre com sua conta do Facebook e ganhe tempo.

Curta essa página e ajude uma foca na Nicarágua.

Que Beatle você seria? 432 amigos seus já fizeram o teste!

Quando você vai postar fotos da sua filha?

Assine agora e multiplique seu patrimônio! Vagas limitadas!


Quanto de nós mesmos a gente entrega ao Domínio Público por Medo de Ficar de Fora (FOMO – Fear Of Missing Out)?

As redes sociais parecem inofensivas nesse aspecto, mas só porque todo mundo faz e porque é muito fácil. Mas quando você leu os termos de adesão do Facebook ou do Pinterest?