Serviço

Pela minha experiência recente, obstetras e pediatras têm ou medo, ou preguiça, ou ganância. Seja como for, tenho sentido uma pasteurização no serviço, de modo que o relacionamento fica em segundo plano. O resultado disso é não só uma queda no valor percebido por quem contrata os serviços (nesse caso, os pais), mas uma disseminação de uma cultura também pasteurizada.

Talvez eles tenham preguiça de fazer um diagnóstico detalhado e preciso, entendendo a particularidade de cada caso, porque têm muita experiência e apliquem uma lei de Paretto (80% dos casos resumidos a 20% das causas e das curas) pra ganhar tempo. Mas num serviço tão personalizado, tão íntimo, e tão sério, essa não deveria ser a abordagem, e isso destrói valor.

Isso me parece descaso, mas também pode ser ganância, porque você reduz o tempo de consulta e consegue atender a mais pacientes (da mesma maneira apressada) – até porque, nesse caso, provavelmente o médico já fez um overbooking de consultas.

Pode ser que tenham medo de não acertar o diagnóstico e serem (e se sentirem) culpados por um quadro agravado, e receitam os tratamentos mais abrangentes de efeito mais rápido, que com certeza entregarão resultado, pesando que os benefícios serão maiores que os prejuízos – claramente um sinal de insegurança. Mas fazendo isso estão ignorando os resultados de longo prazo (alguns efeitos negativos de remédios podem demorar anos pra se manifestar) ou os resultados das outras partes afetadas (tratamentos que promovem a saúde do bebê mas prejudicam seriamente a  da mãe), e isso também destrói valor.

Essa foi minha experiência recente, e sei que é muito diferente de outras tantas realidades, mas o ponto é menos criticar esses profissionais e mais refletir sobre como nós lidamos com nossas próprias interações pessoais ou profissionais. Raramente pensamos no porquê temos as atitudes que temos, e menos ainda em como essas atitudes podem ser percebidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *