Friday Share #5

Friday Share #5 is OUT!

Mesmo com dois posts quentes – um deles tendo saído ontem de noite, mas com muita repercussão já -, achei interessante compartilhar esses artigos e vídeos.

Pra quem perdeu os posts, seguem os links – ler nessa ordem faz mais sentido:


ARTIGO
POR QUE PODER ESCOLHER DEMAIS ESTÁ DE DEIXANDO TRISTE
de Jane Porter, em FastCompany

Escolhas demais nos deixam exaustos, infelizes e podem nos levar a não fazer nenhuma escolha. Barry Schwartz chama isso de “sobrecarga de escolha”: ter escolhas demais nas nossas vidas pessoais e profissionais podem fazer com que evitemos tomar grandes decisões – que sempre são uma escolha entre alternativas. “Conforme cresce o número de opções, crescem também os custos – de tempo e esforço (quando não financeiros) – em colher as informações necessárias para fazer uma boa escolha. Com isso o nível de segurança e certeza sobre suas escolhas diminui, e a antecipação de que você vai se arrepender da sua escolha aumenta,”, diz Barry Schwartz. Entender como e por quê tomamos decisões pode ajudar a fazer escolhas melhores.
Notas:
1. Esse fenômeno é bem documentado sob o termo “fadiga da decisão” (decision fatigue, em inglês)
2. Alguns fatos, em português:

  • Você faz escolhas piores quando está cansado (e ter muitas opções de deixa cansado)
  • Com muitas opções, você analisa menos fatores (e pode deixar algum fator importante de fora)
  • Você pode você mesmo colocar limitações (e assim diminuir o número de opções)

http://www.fastcompany.com/3031364/the-future-of-work/why-having-too-many-choices-is-making-you-unhappy (em inglês)


ARTIGO
OS CINCO PRINCIPAIS ERROS DE GESTÃO DE TEMPO QUE VOCÊ ESTÁ COMETENDO
de Lisa Evans, em FastCompany

Nós mantemos listas de afazeres e tentamos ficar em dia com nossas agendas, mas não importa o quanto tentemos, tarefas continuam a nos escapar. A lista de tarefas fica mais longa e parece que o tempo está se esvaindo a cada hora. Em uma pesquisa recente da ferramenta online de rastreamento de tempo Toggl, os seguintes cinco erros foram identificados pelos clientes como as principais coisas que estavam atrapalhando seu caminho para o sucesso de gerenciamento de tempo.

Eis a lista, em português:

  • Não priorizar as atividades
  • Subestimar o esforço
  • Não controlar as distrações
  • Achar que controlar o tempo é perda de tempo
  • Multitasking – fazer muitas coisas ao mesmo tempo

http://www.fastcompany.com/3048828/hit-the-ground-running/the-top-5-time-management-mistakes-youre-making (em inglês)


ARTIGO
OS SETE PECADOS MORTAIS CONTRA A FELICIDADE
de Trent Hand, em LifeHack

Existe muita discussão hoje em dia a respeito de o que faz as pessoas serem felizes. No entanto, embora haja muita pesquisa científica estudando e descobrindo muitos fatores diferentes que determinam quão felizes nós seremos, temos séculos e séculos de ensinamentos de filósofos e líderes religiosos dizendo o que devemos evitar para podermos ser felizes. Eis uma compilação dos sete principais pecados contra a nossa felicidade – tão mortais que nós não precebemos que estamos caindo numa armadilha até que, um dia, perguntamos quem é que estamos vendo no espelho.

Eis a lista, em português:

  • Comparar-se com os outros
  • Falar dos sonhos em vez de trabalhar por eles
  • Ouvir pessoas que não dizem nada de positivo
  • Focar nas notícias
  • Decidir que outra pessoa tem que mudar
  • Pensar que “felicidade” é um destino a ser alcançado
  • Esquecer-se de dizer “obrigado”

http://www.lifehack.org/articles/communication/the-7-deadly-sins-happiness.html (em inglês)


VIDEO
COMO FAZER ESCOLHAS DIFÍCEIS
de Ruth Chang, em TED.com

Escolhas difíceis são difíceis porque não existe uma alternativa melhor. Nesse video, Ruth explica o conceito de uma escolha difícil e nos guia até o entendimento de que são essas escolhas difíceis que nos torna quem nós somos, e que não devemos nos esquivar delas.

Você se esquiva de decisões difíceis? Ou você consegue decidir? Conte a sua história!

http://go.ted.com/b7nc(em inglês, com legendas em português)


VIDEO
NÃO SE ARREPENDA DO SEU ARREPENDIMENTO
de Kathryn Schulz, em TED.com

Somos ensinados a tentar viver a vida sem arrependimento. Por quê? Usando sua própria tatuagem como exemplo, Kathryn Schulz faz um apelo vigoroso e comovente para que aceitemos nossos arrependimentos.

Falando tanto sobre escolhas, achamos que cabe falar sobre arrependimentos – afinal, todos têm o direito de se arrepender. Mas esse video mostra que podemos aprender muito com isso.

http://go.ted.com/b7nt (em inglês, com legendas em português)


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *